Rave cultural

Começa hoje a quinta edição da Rave Cultural, promovida pela Casa das Rosas – Espaço Haroldo de Campos de Poesia e Literatura. Bem, para falar a verdade, começou às 12 horas de hoje e vai se estender até as 6h da manhã de amanhã.

A programação é eclética e inclui show com os eternos Demônios da Garoa.

Programação completa:

Biblioteca Circulante

12h – Contação de história infantil
“História da Sabedoria e Encantamento”

Com Fábio Lisboa

Com uma forma simples e envolvente de narrar, Fábio Lisboa apresenta histórias de diversas culturas. Em um dos contos – um conto cri, da tradição oral indígena norte-americana – abordará a energia ritualística dos índios por meio da dança circular contemporânea, cantos ancestrais, objetos e fantoches, que incrementam a narrativa.

Café Panaroma

13h – Show
Colher de Pau

Nascido do desejo de tocar choro entre amigos, o grupo Colher de Pau especializou-se na música brasileira tradicional. Com o foco em compositores como Pixinguinha, Jacob do Bandolim, Ernesto Nazareth e outros, o grupo retoma a tradição, atualizando-a: ao mesmo tempo que insere elementos de inovação e se flexibiliza, preocupa-se em manter viva a história de nossa música, dotada de riqueza e beleza insuperáveis. O Colher de Pau é integrado por Bruno Baldim (cavaco e violão), Cristal Coelho (voz e pandeiro), Daniel Tápia (clarineta e violino) e Fernando Silva (violão de sete cordas).

14h30 – Show
Demônios da Garoa

Lenda viva da música popular brasileira, com mais de seis décadas de carreira, os Demônios da Garoa, com sua forma original e bem-humorada de interpretar o “jeito de falar” do povo paulistano, agradam desde os mais antigos que acompanham sua carreira até os mais novos espectadores, que descobriram a alegria e a personalidade marcantes do grupo, reconhecido pelo Guiness Book of Records, edição de 1994, como o grupo mais antigo e em atividade no mundo.

Hall

16h – Debate
“Os caminhos da poesia contemporânea brasileira: dificuldades e acertos”

Aproveitando o lançamento do livro O que é poesia?, os debatedores refletirão sobre as características da produção poética brasileira em tempos de globalização.

Participantes: Affonso Romano de Sant’Anna, Carlito Azevedo, Carlos Felipe Moisés, Lucia Santaella, Márcio-André, Nicolas Behr e Ricardo Silvestrin.

Mediação: Edson Cruz.

18h15 – Recital
“Poeta em Voz Alta”

Poetas participantes do livro O que é poesia? e convidados celebram a poesia com suas leituras. Estão confirmadas as presenças de Ademir Assunção, Affonso Romano de Sant’Anna, Carlito Azevedo, Carlos Felipe Moisés, Claudio Daniel, Claudio Willer, Donny Correia, Edson Cruz, Eunice Arruda, Flavio Amoreira, Frederico Barbosa, Luiz Roberto Guedes, Marcelo Ariel, Marcelo Tápia, Márcio-André, Micheliny Verunschk, Nicolas Behr, Ricardo Silvestrin, Rodrigo Petronio e Virna Teixeira.

20h – Show
Dito Efeito

O Dito Efeito, banda paulistana formada em 2007, busca uma sonoridade singular e urbana, utilizando elementos não usuais no cenário independente. Seus integrantes inicialmente se reuniram para fazer um tributo à banda Radiohead, sem muita pretensão, mas, devido à ótima qualidade apresentada e à grande aceitação do público, partiram para um trabalho autoral. Com influências musicais muito diferentes, trazem, ao processo de composição, elementos da tropicália, da noise music, do experimentalismo e do rock, com pitadas dos mais diferentes estilos musicais, contribuindo para o enriquecimento do cenário musical atual. Integram o grupo: Guilherme Kafé (voz, violão), Sérgio Dino (guitarra, voz e teclados), Régis Alves (guitarra, teclados, voz e sax), André Teles (baixo, teclados e voz) e Vítor Almeida (bateria).

21h30 – Show
Ulisses Rocha

O violonista, compositor e arranjador, com dez CDs gravados, é um dos violonistas mais influentes de sua geração. Dono de um estilo inconfundível, transita entre a música brasileira, a música erudita e o jazz, sendo reconhecido principalmente pela sua versatilidade, evidenciada nas apresentações como solista em pequenas formações, como duos ou trios, ou ainda ao lado das principais orquestras sinfônicas do País. Nos últimos anos, vem marcando presença nos principais eventos musicais, tanto no Brasil como no exterior, participando dos mais importantes festivais internacionais de jazz, como os de Paris, Montreal e São Paulo, ministrando oficinas em tradicionais festivais de verão ou de inverno, como os de Campos do Jordão e o IAJE (International Association for Jazz Education), em Los Angeles, Estados Unidos. Além de sua atuação como artista, desempenha importante trabalho na área didática, como professor da faculdade de Música da Unicamp.

0h – Show
Forrobodó – Encontros e Desencontros do Amor, de Chiquinha Gonzaga a Rita Lee

Com Claudio Goldman, Maria Alcina e Sara Goldman-Belz.

O show é uma viagem emocionante e bem-humorada pelo universo feminino, suas alegrias, dores e contradições, retratando a mulher brasileira nas várias épocas da música popular. O cantor e pianista Claudio Goldman, com as cantoras Sara Goldman-Belz e Maria Alcina, revezam-se em vários papéis, cantando e contando a trajetória emocional das mulheres do início do século XX aos dias de hoje. Canções como “Tatuagem”, “Amendoim Torradinho”, “Da Cor do Pecado”, “Vingança”, “Perigosa” e “Cachorro Vagabundo” transitam entre prazer e sofrimento, alegria e solidão, mostrando a mudança de costumes na sociedade brasileira.

3h – Show
Quasímodo

Lançamento do CD Na Hora!

Pense num chiclete gostoso e cor-de-rosa; então, o Quasímodo vem chegando, com seu rock pra cima, festeiro, inteligente e… grudento! Guitarras a la B52’s e Strokes, bateria eletrônica misturada com acústica, o baixo forte segurando a marcação, órgãos hammond e synths e, na linha de frente, o toque feminino da doce diva Vans Moraes. Ah, e um visual bem pouco discreto. Destacam-se no repertório as composições do grupo: “Sempre na Cozinha”, “ET”, “Aqui do Lado”, “Muerte For Free” e “Everybody Kisses”, além de versões para “Toda Cor” (Titãs) e “Grilo na Cuca” (Dudu França). Participam do grupo: Vans Moraes (voz principal), Tico d´Godoy (voz), Rica P (guitarra), Nelinho (teclado e voz), Juari (baixo e voz) e Cesinha Sartori (bateria). A produção artística é de Tchorta Boratto e os figurinos, de Paula Valéria Andrade.

4h30 – Show
Terno de Damas

O trio vocal Terno de Damas, formado em 1997, é atualmente composto por Heloisa Araújo, Denise Matta e Celina Gusmão. O grupo é dirigido pelo maestro Adilson Rodrigues, também responsável pelos arranjos. Em sua trajetória, o Terno de Damas vem construindo um repertório baseado nos diversos gêneros e ritmos da canção popular, incluindo compositores como Ary Barroso, Chico Buarque, Itamar Assumpção, Luiz Melodia, Tom Jobim, Caetano Veloso, José Miguel Wisnik, Tom Zé, Custódio Mesquita, entre outros. A principal característica dos arranjos é a valorização da palavra, elemento central da canção popular. O conceito dos arranjos trabalha, na maioria das vezes, com três linhas independentes e o timbre das vozes das cantoras é muito próximo, o que dá uma densidade especial à sonoridade do trio. Nessa apresentação, o trio será acompanhado por Mauricio Marques (piano) e Adriano Busko (bateria).

Varanda térrea
21h – Boca também toca tambor

Performance multimídia do poeta Ricardo Aleixo

O cruzamento de referências que vão dos cantopoemas de extração africana às poéticas experimentais da voz é a base a partir da qual se organiza esta performance de Ricardo Aleixo. No repertório, além de alguns de seus “textos-tambores”, Aleixo incluiu versões personalíssimas para peças do repertório de Nicolás Guillén (1902-1989), em homenagem aos 20anos de morte do grande poeta cubano.

Varanda térrea
1h – Lounge-Groove com o VDJ Fábio Vietnica

O videoartista fará projeções de imagens com videopoesia e declamações de Haroldo de Campos e outros poetas, apresentando o conceito de videodiscotecagem, que consiste na execução, ao vivo, em uma pista de dança, de videoclipes mixados com áudio original.

Fábio Vietnica é economista e apresenta, todo terceiro sábado de cada mês, o Projeto MICI You??? de videodiscotecagem, na Funhouse.

Serviço
Rave Cultural 2009
Dias 5 e 6 de dezembro, das 14h às 6h da manhã

Casa das Rosas – Espaço Haroldo de Campos de Poesia e Literatura

Avenida Paulista, 37 – próximo à Estação Brigadeiro do Metrô
Tel.: (11) 3285.6986

*****

Fonte: Blog da Zunái

****

Agora é oficial: estou com invejinha boa de todos os que puderam ficar em Sampa… minha querida Sampa…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s