Copo de solidão I

em



“ela vai ver este
corpo
rijo e
branco vai sacudi-lo e
talvez
sacudi-lo de novo:
“Henry!”
e Henry não vai responder.
não é minha morte que me
preocupa, é minha mulher
deixada sozinha com este monte
de coisa nenhuma.

no entanto
eu quero que ela
saiba
que dormir
todas as noites
a seu lado
e mesmo as
discussões mais banais
eram coisas
realmente esplêndidas
e as palavras
difíceis
que sempre tive medo de
dizer
podem agora
ser ditas:
eu te
amo.”
(Charles Bukowski in: “Confissão”)
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s